Saturday, August 16, 2014

Pobres e ricos da igreja



'Os pobres na Igreja do primeiro seculo'

Do ponto de vista social,a pobreza exclui o ser humano dos direitos basicos necessarios a sua subsistencia.
Nao e dificil reconhecer que a igreja do primeiro seculo era constituida por duas classes sociais:a dos pobres e a dos ricos,tendo evidentemente mais pobres em sua composicao.Uma vez que nao podemos fazer acepcao de pessoas (Rm.2.11),os pobres daquela epoca,que foram gerados pela Palavra e inseridos no corpo de Cristo-a Igreja- tinham motivos de alegrar-se no Senhor,pois alem do novo nascimento,eles eram acolhidos pela igreja local (Gl.2.10) 

'Os ricos na Igreja Antiga'

Por vezes,os ricos sao identificados na Biblia como judeus proprietarios de muitos bens e que negligenciavam as obrigacoes que pesam sobre os que desfrutam de tal condicao (Lv.19.10;23.22)por cuja razao,e pelas suas atitudes,eles eram frequentemente repreendidos pelas Escrituras (Am.3.10;Pv.11.28).
Os ricos abastados tem a tendencia a desenvolverem a arrogancia,a autossuficiencia e a postura de senhores poderosos,que pensam poder comprar as pessoas a qualquer preco.As Escrituras sao claras em afirmar que o Reino de Deus nao pode ser comprado por dinheiro algum.E possivel o irmao rico ser geradopela Palavra e tornar-se um filho de Deus?Sim,claro.(Lc.18.25-26)Porem,ele pode encontrar maior dificuldade para desprender-se de suas riquezas (Mt.19.23-26)e imprescindivel que os mais abastados compreendam que apos entregarem-se a Cristo,obedecerao ao mesmo Evangelho a que os irmaos pobres submetem-se.Aqui torna-se ainda mais clara a verdade biblica:para Deus nao ha acepcao de pessoas (Rm.2.11;Cl.3.11).

Fonte:CPAD Licoes Biblicas 'Fe e Obra'

No comments:

Post a Comment